.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo

Criado em 2005, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) é um órgão ligado ao Supremo Tribunal Federal (STF) com o objetivo de zelar pela autonomia do sistema e pelo cumprimento do Estatuto da Magistratura, expedindo atos normativos e recomendações. As ações de planejamento, coordenação e controle administrativo procuram garantir um serviço ágil e de qualidade para a sociedade. Além disso, o Conselho preserva a transparência institucional do Poder Judiciário.

Com avançadas ferramentas tecnológicas, o CNJ interliga todas as esferas da Justiça, seja nos tribunais federais, estaduais, do Trabalho ou Militar. A conexão permite que o Conselho tenha um diagnóstico claro da real situação do Poder Judiciário e promova a celeridade do julgamento de processos e a oferta de serviços que atenda às necessidades da população no âmbito jurídico. 

Por intermédio do CNJ, o cidadão pode fazer reclamações, petições eletrônicas e representações contra membros ou órgãos do Judiciário, inclusive contra seus serviços auxiliares, serventias e órgãos prestadores de serviços notariais e de registro que atuem por delegação do poder público ou oficializado.

Tenha mais informações sobre o Conselho e os canais de contato clicando aqui