.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Comarca realizará palestras sobre prevenção à violência doméstica em ação apoiada pelo CNJ (Divulgação/TJSC)
Comarca realizará palestras sobre prevenção à violência doméstica em ação apoiada pelo CNJ (Divulgação/TJSC)

A comarca de Criciúma irá receber no dia 15 de março, às 15h, palestras sobre prevenção à violência doméstica e familiar contra a mulher. As atividades farão parte da programação da XIII Semana da Justiça pela Paz em Casa, promovida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e apoiada pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (Cevid) do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. As palestras serão realizadas no Salão do Júri do Fórum da comarca de Criciúma (av. Santos Dumont, s/n, bairro Milanese).

A fala inicial será da desembargadora Salete Silva Sommariva, coordenadora da Cevid, que abordará o feminicídio, questões culturais e sociais, a importância da prevenção e do atendimento também aos homens autores de violência. Além de estatísticas e cenários, serão abordadas boas iniciativas que já estão sendo colocadas em prática, que trazem à tona a discussão deste assunto e procuram diminuir os índices atuais de violência contra a mulher.

Neste sentido, o vereador de Siderópolis Clademir Manoel de Souza (Peninha) falará sobre seus projetos no Legislativo, como a Lei n. 2278, de 2018, de sua autoria, que instituiu a Semana Municipal de Ações Voltadas à Lei Maria da Penha nas escolas de ensino fundamental, séries finais e de ensino médio, públicas e privadas; e o "Dia Laranja", instituído pela Lei 2.234, de 2017, pela qual no dia 25 de cada mês uma entidade ou empresa sideropolitana fica responsável pela promoção de ações de conscientização relacionadas a esse tipo de violência, entre outras iniciativas sobre o tema. O evento é aberto para magistrados, servidores, estudantes, profissionais da rede de atendimento à mulher em situação de violência e público em geral. Será concedido certificado de atividades complementares aos estudantes que participarem do evento.

Fonte: TJSC


Tópicos: campanha justiça paz em casa ,Semana Justiça pela Paz em Casa,Lei Maria da Penha,violência contra a mulher,semana justiça paz em casa ,semana paz em casa