Menu

Em atendimento à Política Nacional de Atenção Prioritária ao Primeiro Grau de Jurisdição, o Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT/RJ) está indo a campo para saber o que é de fato prioritário para aperfeiçoar o funcionamento da primeira instância. Uma pesquisa com os gestores das unidades judiciárias trabalhistas de todo o estado do Rio de Janeiro teve início no primeiro dia deste mês e vai até 15/8.

Foram encaminhados e-mails aos juízes Titulares de Vara do Trabalho e juízes do Trabalho Substitutos no exercício da titularidade, contendo link que direciona para um formulário eletrônico, no qual poderá ser respondida, livremente, a seguinte proposição: "Indique a medida prioritária para melhor funcionamento da sua unidade (somente uma medida)".

À frente dessa ação, o Comitê Regional para Gestão e Implementação da Política Nacional de Atenção Prioritária ao Primeiro Grau de Jurisdição no TRT/RJ propõe que as necessidades de cada unidade sejam discutidas entre magistrados e servidores. A intenção é promover uma gestão participativa, valorizando a opinião das equipes.

Instituído em 29 de julho de 2014, o Comitê de Priorização do Primeiro Grau completou três anos de existência e, com essa iniciativa, espera obter subsídios para o aprimoramento da sua atuação. Para mais informações sobre o grupo, acesse a página disponível no Portal do TRT/RJ.

SOBRE A POLÍTICA DE ATENÇÃO AO 1º GRAU

A Política Nacional de Atenção Prioritária ao Primeiro Grau de Jurisdição foi instituída pela Resolução nº 194 do Conselho Nacional de Justiça, com o objetivo de estruturar e implementar medidas concretas e permanentes com vistas à melhoria dos serviços judiciários prestados pela primeira instância dos tribunais brasileiros.

Fonte: TRT1


Tópicos: priorização do 1º grau,Justiça do Trabalho

SEPN Quadra 514 norte, lote 9, Bloco D CEP: 70760-544 

Telefones - 55 61 2326-5000/5001 Horário de atendimento ao público: das 12h às 19h, de segunda a sexta-feira, exceto nos feriados.

W3C Válido