.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Os operadores do Direito que já aderiram ao meio eletrônico para protocolar petições iniciais e intermediárias junto ao Poder Judiciário do Ceará poderão contar com maior facilidade no uso da ferramenta. O tamanho dos arquivos, até então restrito a 2 megabytes (MB), passou a ser de até 5 MB. De acordo com o diretor do Departamento de Informática do Fórum Clóvis Beviláqua, Gustavo Pereira, sempre que a petição ultrapassar 1MB, o Sistema de Automação da Justiça (SAJ) desmembra automaticamente o documento em arquivos menores, permitindo seu envio. Foi ampliado também o limite de tamanho de cada página da petição. No SAJ, cada página representa uma imagem e poderá, a partir de agora, ter até 150 kilobytes (KB), um aumento de 50% em relação à capacidade anterior, que era de 100 KB.

Além disso, o SAJ passou a contar com uma ferramenta de compressão automática para reduzir as imagens que excedem o limite estabelecido de 150 KB. Após a compressão, o usuário deverá ainda verificar a legibilidade do documento antes de validar a alteração.

“O Tribunal de Justiça está atento às demandas identificadas pelas entidades de classe e sempre que for necessária a modificação dos parâmetros estabelecidos, isso será efetuado”, assegurou Gustavo Pereira.

Segundo o juiz diretor do Fórum Clóvis Beviláqua, José Krentel Ferreira Filho, a melhoria vem atender às reivindicações apresentadas pelos operadores do Direito. “O Poder Judiciário já resolveu esse problema e está empenhado em buscar soluções para os demais pontos apresentados”, afirmou.

O diretor ressaltou ainda que sugestões para melhoria do sistema são sempre bem vindas, porque permitem seu constante aprimoramento, além de atender às necessidades de todos os usuários.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Tribunal de Justiça do Ceará