.
Início do cabeçalho
.

Início do conteúdo

Início do conteúdo
Conciliação em saúdeLegenda: Cidadania nos Presídios promove mutirão carcerário no ParanáCrédito: Divulgação/TJPR
Cidadania nos Presídios promove mutirão carcerário no Paraná. Crédito: Divulgação/TJPR.

Uma ação do Programa Cidadania nos Presídios, do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), teve início no dia 11 de novembro, na região metropolitana de Curitiba. É o mutirão carcerário no Complexo Médico-Penal (CMP), em Pinhais, que pretende analisar a situação de 430 pessoas com doenças mentais que estão custodiadas na unidade.

Iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Paraná foi o segundo estado do país a implantar o Programa Cidadania nos Presídios, em agosto, após o Espírito Santo. O programa aponta uma nova forma de execução penal.

“Em geral, esses internos cometeram delitos leves. Vieram para o presídio por serem considerados perigosos pela sociedade. O ideal é que eles possam voltar ao seu lugar de origem, acolhidos pela família e ficar em tratamento ambulatorial”, disse o desembargador Ruy Muggiati, supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização (GMF) do Sistema Carcerário do Paraná.

Fonte: TJPR